[Resenha] Memórias Póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis

Livro: Memórias Póstumas de Brás Cubas
Ano: 1881
Edição: 2008
Editora: L&PM
Páginas: 216

.memórias

 

            Joaquim Maria Machado de Assis, ou simplesmente Machado de Assis: escritor brasileiro reconhecido mundialmente, sendo impossível pensar em Literatura Brasileira sem citar seu nome.

.

memórias2

.

            Memórias Póstumas de Brás Cubas é um famoso romance machadiano, que como o próprio nome sugere, conta a história de um defunto autor (e não de um autor defunto, como o próprio Brás Cubas faz questão de enfatizar no início da obra) que narra a sua vida: seus amores, aventuras, frustrações.

            Brás Cubas é um personagem que nos é apresentado na infância como um menino muito levado, denominado de “menino diabo”. Comprova-se o valor desse carinhoso apelido quando o “menino diabo” descobre o romance secreto entre dona Eusébia e o Dr. Vilaça e revela-o a todos. Na juventude Brás Cubas nos narra sua paixão avassaladora pela prostituta Marcela e na sua maturidade ele vive um grande amor com Virgília, que era esposa de seu amigo Lobo Neves e, é nessa fase também, que o narrador/personagem conta-nos seu fracasso na carreira política. Esse é um pequeno resumo do que o leitor irá encontrar nesse romance.

            Considero que o sucesso de Memórias Póstumas de Brás Cubas é resultado de vários fatores, mas destaco que primeiramente deve-se ao brilhante texto, sendo que não poderia ser diferente tratando-se de Machado de Assis, e também por ter como personagem um homem de “verdade”, falo no sentido de Brás Cubas não ser um homem “bonzinho” e sim ter atitudes e vivências naturalmente humanas, como pode-se observar na síntese da obra apresentada no parágrafo anterior.

            Ressalto que o livro não é de fácil leitura, pois tratando-se de um texto escrito no século XIX tem um vocabulário característico da época, além de metáforas e intertextos, como por exemplo quando é citado Hamlet, As Mil e Uma Noites e outras obras, que exigem do leitor um pré-conhecimento das mesmas para que se possa entender a mensagem que o autor quis passar. Mas independente da dificuldade que se tem para entender a obra de início, com o avançar das páginas a leitura vai ficando mais tranquila de ser compreendida e também divertida, pois é um texto carregado de ironias.

            Finalizo com um trecho em que Brás Cubas deixa claro que se o leitor não gostar do livro, a culpa não é do autor e sim de quem lê a obra:

.

“Começo a arrepender-me deste livro. Não que ele me canse; eu não tenho que fazer; e, realmente, expedir alguns magros capítulos para esse mundo sempre é tarefa que distrai um pouco da eternidade. Mas o livro é enfadonho, cheira a sepulcro, traz certa contração cadavérica; vício grave, e aliás ínfimo, porque o maior defeito deste livro és tu, leitor. Tu tens pressa de envelhecer, e o livro anda devagar; tu amas a narração direta e nutrida, o estilo regular e fluente, e este livro e o meu estilo são como os ébrios, guinam à direita e à esquerda, andam e param, resmungam, urram, gargalham, ameaçam o céu, escorregam e caem…” (Cap. LXXI).

 

.

.

assinatura susane carvalho

Anúncios

2 thoughts on “[Resenha] Memórias Póstumas de Brás Cubas – Machado de Assis

  1. Machado de Assis foi mestre da observação psicológica, sempre a brincar com o leitor, expondo com elegância e sutileza a condição humana, desnudando sua mediocridade. Maior autor da literatura brasileira, era mulato, epilético e autodidata. Suas obras-primas estão no romance e nos contos. Sendo os contos os meus favoritos! Excelente escrito e exemplo de ser humano que superar todo e qualquer obstáculo! Excelente resenha Susane, obrigado por compartilhar de forma efetiva e concisa suas visões nesta grande obra do ilustríssimo Machado de Assis!

    Curtir

Comente!

Preencha os seus dados abaixo ou clique em um ícone para log in:

Logotipo do WordPress.com

Você está comentando utilizando sua conta WordPress.com. Sair / Alterar )

Imagem do Twitter

Você está comentando utilizando sua conta Twitter. Sair / Alterar )

Foto do Facebook

Você está comentando utilizando sua conta Facebook. Sair / Alterar )

Foto do Google+

Você está comentando utilizando sua conta Google+. Sair / Alterar )

Conectando a %s